Desfiliação de Orlando Silva

Acabamos de ser informados que o Camarada Orlando Silva já não é militante do PS.

O departamento Nacional de Dados informa que o antigo Camarada solicitou a demissão no início do mês e a mesma foi aceite no dia 19 de Agosto.

Uma decisão tomada pelo próprio e que já em tempos  havia comunicado ao Secretariado a sua decisão.

Recordamos que este Amigo e ex Camarada entrou no Partido em 1994.

Na juventude socialista foi durante anos dirigente concelhio e mais recentemente dirigiu a JS da Sra da Hora até ter atingido os 30 anos, limite de militância nesta estrutura.

No partido era actualmente membro da comissão Nacional, membro inerente da Comissão politica distrital do Porto, membro eleito da Comissão politica concelhia de Matosinhos e coordenador adjunto da Secção da Sra da Hora.

Nesta legislatura autárquica foi o porta voz na Assembleia de Freguesia da Senhora da Hora do grupo parlamentar Socialista, membro da comissão de elevação a cidade e da comissão de condecorações.

Um homem de trato fácil,  inteligente e culto que abandona o PS mas que nunca perderá o nosso carinho, respeito e amizade.

Aqui fica o documento que o Orlando silva enviou na hora da saida:

“Caro Camarada e Secretário Geral José sócrates,

Eu, Orlando Marco Alves da Silva, militante 29922, secção da Senhora da hora, distrito do Porto, venho por este meio solicitar a minha desfiliação do Partido socialista. Considero que neste momento não se encontram reunidas as condições necessárias para continuar a militar no PS. Desde 1994 que lutei ao lado dos camaradas para que a minha terra e o nosso país fossem melhores. Acredito totalmente no trabalho que o Camarada, enquanto primeiro-ministro tem realizado, e acredito profundamente que tem feito o melhor por Portugal. Infelizmente no  distrito do Porto e no  concelho de Matosinhos os socialistas que hoje governam as estruturas estão alheados das reais necessidades das populações. Não poderei continuar a militar num partido que na minha terra não faz aquilo que eu, em consicência, considero ser o melhor para os meus concidadãos. Sempre pugnei as minhas lutas por ideais e não posso continuar num partido que apresenta politicas autárquicas com as quais não me identifico. Para ser livre de tomar as minhas decisões terei, antes demais, de me libertar de compromissos assumidos com o PS desde o momento que apresentei o meu pedido de inscrição.

É com um sentimento de tristeza que saio, mas acredito ser esta a única forma de em consciência poder a partir de agora lutar por um Matosinhos melhor.

Saudações Socialistas,

Orlando Silva”

  1. Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: